FGTS Servidor ContratadoFinanciamento de veículoDireito Previdenciário

Aposentadoria Vida Toda


Em votação pelo STF (Supremo Tribunal Federal), desde o mês de junho de 2021, a revisão da vida pode beneficar milhares de aposentados em todo país.

O que é a revisão da vida toda?

Para calcular o valor da aposentadoria o INSS utiliza somente as contribuições que foram realizadas a partir de julho de 1994, descartando tudo aquilo que foi recolhido antes desse período. Logo, os segurados que tiveram as maiores contribuições antes de 1994 são extremamente impactados com a concessão de suas aposentadorias e benefícios, recebendo valores bem menores, tendo em vista que os maiores salários não foram considerados.

A revisão da vida toda surgiu justamente para ser considerado todos os salários de contribuição da vida do segurado para o cálculo da aposentadoria, para ser algo mais justo com o segurado, podendo aumentar em várias vezes o valor da aposentadoria dos segurados.

Quem tem direito

Especialistas em direito previdenciário alertam que todos os segurados  que  implementaram  as  condições  para  o  benefício previdenciário  após  a  vigência  da  Lei  9.876,  de  26/11/1999, até novembro de 2019, antes da reforma da previdência, podem ter  o  direito  de  optar pela Revisão da Vida Toda, acaso esta lhe seja mais favorável. É preciso atenção para buscar um profissional qualificado na área previdenciária. Apenas um especialista poderá estudar cada caso individualmente, para analisar se a inclusão das contribuições é realmente vantajosa para o aposentado, trazendo benefícios, como o aumento significativo da aposentadoria, bem como o recebimento dos atrasados.


  • Share :


 

© 2009 - 2015 - BRETTAS & REIS ADVOGADOS Todos os direitos reservados